Notícia Importante

Amigas e Amigos,

Alguns blogs vem sendo apagados repentinamente pelo Google. Esperamos que isso não aconteça com este blog, pois nossa tarefa aqui é a de oferecer informação e reflexão. Desta forma, como precaução e na perspectiva de continuar a disseminar as vertentes instrumentalizadas em forma de livros, revistas e artigos que existem e promovem o desenvolvimento, recomendamos que insira em seus favoritos nosso endereço paralelo:


Desenvolvimento em questão


Faça os Pedidos e Avisos de Links Quebrados em Comentários no WordPress


Atenciosamente,

Marcos Paulo

sábado, 23 de janeiro de 2010

O Negro e o Socialismo - Octavio Ianni et al



O Negro e o Socialismo - Octavio Ianni et al

O Brasil pode transformar-se em nação, em Estado-nação, em uma fluente conjugação entre sociedade civil e Estado, se os partidos políticos e os movimentos sociais de base popular empenharem-se em encaminhar e lutar pela resolução da “questão regional” e da “questão racial”.
Além de outros problemas muito importantes, relativos à contradição “trabalho e capital”, às relações de gênero e ao contraponto sociedade e natureza, cabe reconhecer que as questões regional e racial são fundamentais. Trata-se de problemas que afetam as condições de integração entre sociedade civil e Estado. São problemas que a peculiar “revolução burguesa” desenvolvida no Brasil não resolveu nem encaminhou satisfatoriamente para a grande parte da população; problemas que não interessam às classes dominantes nem resolver, nem encaminhar, sempre encobrindo-os ideologicamente ou reprimindo-os com as mais diversas e sofisticadas técnicas de violência.
Esta, portanto, é uma idéia preliminar: a questão racial tem relação direta e profunda com a questão nacional, entendendo-se que esta envolve o desafio de uma integração cada vez mais fluente, aberta, dinâmica e transparente entre amplos setores da sociedade civil e o Estado.

Download do livro: http://www.4shared.com/file/205169751/9e001ce8/IANNI_Octavio_e_Outros_Negro_e.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua crítica, pedido ou sugestão. Obrigado.