Notícia Importante

Amigas e Amigos,

Alguns blogs vem sendo apagados repentinamente pelo Google. Esperamos que isso não aconteça com este blog, pois nossa tarefa aqui é a de oferecer informação e reflexão. Desta forma, como precaução e na perspectiva de continuar a disseminar as vertentes instrumentalizadas em forma de livros, revistas e artigos que existem e promovem o desenvolvimento, recomendamos que insira em seus favoritos nosso endereço paralelo:


Desenvolvimento em questão


Faça os Pedidos e Avisos de Links Quebrados em Comentários no WordPress


Atenciosamente,

Marcos Paulo

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Televisão: a vida pelo video - Ciro Marcondes Filho



Televisão: a vida pelo video - Ciro Marcondes Filho

O livro trata do papel da televisão na comunicação de massa do Brasil. Sabe-se que o conteúdo transmitido via televisão (porque o coitado do aparelho de tevê só transmite imagem e som, não é culpado de nada) tem uma capacidade imensa de persuação e penetração na sociedade brasileira.
Ciro Marcondes Filho, sociólogo e jornalista pela USP, mestre pela FFLCH-USP, doutor pela Universidade de Frankfurt (RFA), pós-doutor pela Universidade Stendhal de Grenoble (França), titular da Cátedra Unesco de Divulgação Científica no Brasil, foi livre docente, professor adjunto e é professor titular da Escola de Comunicações e Artes da USP desde 1987.
Tem atuado como conferencista pelo país e no exterior, debatendo sua proposta de construção no Brasil de uma teoria própria da comunicação, adaptada à era tecnológica. Já publicou cerca de 30 livros nas áreas de comunicação, jornalismo, política, filosofia e psicanálise.

Download do livro: Clique aqui!

Simmel - Evaristo Moraes Filho (Org.)



Simmel - Evaristo Moraes Filho (Org.)

O objeto principal de análise de Georg Simmel, não é nem o individuo, nem a sociedade em si: todo o seu interesse se focaliza sobre a interação criadora entre esses dois pólos extremos: a produção da sociedade pelos indivíduos; e a conformação permanente dos indivíduos pela sociedade, constitui, neste sentido, a matriz fundadora do vínculo social. Situando-se no ponto de vista contrário a Durkheim, Simmel privilegia, portanto, não a pressão social, mas o “devir” da sociedade.
Georg simmel seguiu seus estudos na linha da microsociologia, ou seja, a analise dos fenômenos no nível “micro” da sociedade, foi ele quem desenvolveu a chamada “sociologia formal’, das formas sociais, muito influenciado pela filosofia de Kant, distinguia a forma e o conteúdo dos objetos. O principal conceito criado por este autor foi o conceito de SOCIAÇÃO, no sentido de forma pura de interação e não de “associação”.

Download do livro: Clique aqui!