Notícia Importante

Amigas e Amigos,

Alguns blogs vem sendo apagados repentinamente pelo Google. Esperamos que isso não aconteça com este blog, pois nossa tarefa aqui é a de oferecer informação e reflexão. Desta forma, como precaução e na perspectiva de continuar a disseminar as vertentes instrumentalizadas em forma de livros, revistas e artigos que existem e promovem o desenvolvimento, recomendamos que insira em seus favoritos nosso endereço paralelo:


Desenvolvimento em questão


Faça os Pedidos e Avisos de Links Quebrados em Comentários no WordPress


Atenciosamente,

Marcos Paulo

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

O Brasil desempregado: Como foram destruídos 3 milhões de empregos no Brasil nos anos 90 - Jorge Mattoso


O Brasil desempregado: Como foram destruídos 3 milhões de empregos no Brasil nos anos 90 - Jorge Mattoso

Abordando questões como a desestruturação produtiva e a precarização das condições de trabalho no Brasil, o economista Jorge Mattoso mostra como os governos Collor e FHC levaram aos maiores índices de desemprego da história do país.

Download do livro: Clique aqui!

Brasil em Debate - volume 1: O Governo Lula e o Combate à Corrupção - Jorge Hage


Brasil em Debate - volume 1: O Governo Lula e o Combate à Corrupção - Jorge Hage

Neste volume, o leitor conhecerá o que mudou e como ocorreu a reorientação do papel do Estado após a vitória do presidente Lula. Houve o resgate do planejamento de longo prazo e maior participação do Estado em todas as áreas de atividades, algo fundamental para o desenvolvimento econômico e social do país. Essa mudança, somada ao fortalecimento das estatais e dos bancos públicos, foi crucial para o Brasil atravessar a crise financeira iniciada em 2008 sem maiores sobressaltos.

Download do livro: Clique aqui!

terça-feira, 29 de novembro de 2011

O que é Marxismo - José Paulo Netto


O que é Marxismo - José Paulo Netto

O marxismo é uma fascinante construção cultural, uma aventura que conjuga o pensar e o fazer, já que a herança de Marx exige a reflexão crítica e a ação revolucionária. Sua obra original é necessária, mas não suficiente para entender e revolucionar o mundo contemporâneo. Assim não existe 'o marxismo', mas 'os marxismos', vertentes de uma mesma tradição teórico-política.

Download do livro: Clique aqui!

Política: uma Brevíssima Introdução - Kenneth Minogue


Política: uma Brevíssima Introdução - Kenneth Minogue

Tema polêmico e complexo, a política encontra aqui uma introdução capaz de atrair estudantes e leitores de todas as idades. Acompanhando a evolução da política desde a Grécia antiga, o professor Minogue, da London Scholl of Economics, aborda os diversos ramos da política, colocando em discussão o desgastante cotidiano da democracia e um amplo leque de assuntos: o sentido do patriotismo para os romanos, os sistemas de governo, as relações internacionais, a herança literária de pensadores como Platão e Maquiavel e o surgimento dos partidos e doutrinas atuais. Escrito com grande senso de humor e invejável lucidez, é um guia indispensável para todos que desejem compreender o que é, de fato, a política.

Download do livro: Clique aqui!

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Filosofia e seu ensino - Paulo Arantes (Org.)


Filosofia e seu ensino - Paulo Arantes (Org.)

Em cinco artigos, renomados professores universitarios refletem quanto a tarefa do filósofo na construção do saber contemporâneo.

Download do livro: Clique aqui!

Lukács e a crítica da filosofia burguesa - João Paulo Netto


Lukács e a crítica da filosofia burguesa - João Paulo Netto

Este livro foi originalmente redigido em princípios de 1976, ainda no Brasil, quando o autor preparava uma coletânea de textos que deveria intitular-se Introdução a Lukács. Circunstâncias várias e realmente constrangedoras obrigaram ao (provisório) abandono deste projeto. No conjunto inicialmente planejado, Lukács e a Crítica da Filosofia Burguesa tinha por objetivo, valendo-se prioritariamente de citações do pensador húngaro, explicitar o posicionamento do que se considera o quarto clássico do marxismo frente à produção filosófica burguesa mais significativa dos séculos XIX e XX — posicionamento referido à obra madura de Lukács. Balizava aquele objetivo uma preocupação quase didática: pretendia-se que a exposição fosse acessível a uma audiência interessada, mas desprovida de informações especializadas sobre a temática. Daí o tom necessariamente declarativo do ensaio, onde, todavia, se procurou não sacrificar o rigor documental no altar da simplicidade. Além do Excurso sobre a Ontologia do Ser Social, escrito em janeiro de 1977, e algumas alterações formais, Lukács e a Crítica da Filosofia Burguesa sai à luz sem qualquer modificação considerável, conservando as suas limitadas pretensões, apenas acrescido de uma cronologia que situa historicamente o filósofo húngaro.

Download do livro: Clique aqui!

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Lukács: guerreiro sem repouso - João Paulo Netto


Lukács: guerreiro sem repouso - João Paulo Netto

Livro de João Paulo Netto que expõe uma breve biografia do pensador Georges Lukáks.

Download do livro: Clique aqui!

As Grandes Obras Políticas de Maquiavel a Nossos Dias - Jean-Jacques Chevalier


As Grandes Obras Políticas de Maquiavel a Nossos Dias - Jean-Jacques Chevalier

Esta obra é indispensavel para todos que almejam um interesse sobre os problemas políticos, jurídicos e filosóficos da história. Traz também um breve relato das grandes obras que revolucionaram o mundo, iniciando a partir do século XVI.

Download do livro: Clique aqui!

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Censura, Imprensa, Estado Democrático (1968-1978) - Maria Aparecida Aquino


Censura, Imprensa, Estado Democrático (1968-1978) - Maria Aparecida Aquino

Fragmento do Prefácio de Alberto Dines,

A repressão política e militar deixou marcas nas suas vítimas. O processo psicológico da identificação com o adversário, perturbador e no entanto tão real, também ocorreu en tre nós. A abom inável ditadura acabou sen do assimilada, ainda está à nossa volta. Razão pela qual o estudo do autoritarismo pressupõe uma atitude anti-autoritária, liminar e cabal. Como a que foi preconizada e personalizada por Hannah Arendt.

O saber deve desaguar nu m com prom isso existen cial e ético coerente e conseqüente. O estudo da intolerância não se faz in vitro. Com preende um a disposição íntima de com batê-la.

Maria Aparecida de Aquino estudou com afinco e brilho a repressão política tan to na sua dissertação de Mestrado com o na sua tese de Doutorado. Importante consignar, igualmente, que sou testemunha e beneficiário da sua serena coragem em enfrentar a arrogância e a injustiça.
Alberto Dines
São Paulo, Junho de 1999.

Download do livro: Clique aqui!

O Jardim Imperfeito - Tzvetan Todorov


O Jardim Imperfeito - Tzvetan Todorov

Sempre partindo dos principais pensadores humanistas franceses (em especial Montaigne, Rousseau e Benjamin Constant), o renomado escritor "multimídia" Tzvetan Todorov tenta construir um modelo de pensamento humanista do "tipo ideal". O homem moderno adotou uma postura antropocêntrica deixando Deus em segundo plano. A escolha de novos valores, o preço e as conseqüências da "independência" perante Deus, as concepções humanistas sobre amor, sociedade, amizade e solidão estão entre os assuntos abordados em O Jardim Imperfeito.

Download do livro: Clique aqui!

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

O Homem Desenraizado - Tzvetan Todorov


O Homem Desenraizado - Tzvetan Todorov

Relato autobiográfico do crítico literário francês nascido na Bulgária, sobre a condição de ´híbrido´ cultural. De sua experiência surgem reflexões sobre a tolerância e a democracia, e seus contrários.

Download do livro: Clique aqui!

A Origem Da Obra De Arte - Martin Heidegger


A Origem Da Obra De Arte - Martin Heidegger

A arte é um acontecimento fundador na história do homem em si mesmo (e não de um indivíduo qualquer), que tem, por isso mesmo, a dimensão de um questionamento próprio, um questionamento que transforma a essência do homem na sua referência ao ser. Este caráter essencial é que distingue este ensaio de Heidegger, que tematiza a arte do leitor que se dispõe a lê-lo e a dialogar com ele, exige todo um despojamento de conceitos e teorias prévias, para que deixe a própria arte acontecer.

Download do livro: Clique aqui!

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Luz Sobre a Idade Média - Régine Pernoud


Luz Sobre a Idade Média - Régine Pernoud

Idade Média. A Idade das Trevas. Eis a imagem que temos ainda do que aprendemos no liceu. A autora reage contra estes preconceitos, revelando a riqueza do período medieval. No campo da literatura, refere-se a epopéias como a Canção de Rolando, aos romances de cavalaria, à novela amorosa, à poesia, às farsas, às fábulas. Evoca o desenvolvimento artístico desta época, assim como aspectos menos conhecidos - o interesse dedicado às ciências e à medicina. A própria vida cotidiana traz a marca de uma civilização já refinada. Basta dizer que a higiene estava mais desenvolvida do que no século XVII. A hierarquia social assentava essencialmente nos laços familiares. As mulheres tinham direitos que perderam a partir do século XVI.

Download do livro: Clique aqui!

Nietzsche – vida como obra de arte - Rosa Dias


Nietzsche – vida como obra de arte - Rosa Dias

Nos últimos anos, a bibliografia de e sobre Nietzsche tem-se ampliado no Brasil. Este livro acrescenta um diferencial reflexivo à fortuna crítica do autor: Rosa Dias nos propõe não apenas levantar e explicar categorias, mas pensar junto com o filósofo alemão, tendo em vista um dos aspectos fundamentais de sua produção - a relação entre arte e vida.
Rosa Dias é doutora em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e professora-adjunta de Filosofia na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). É autora de diversos livros sobre Nietzsche.

Download do livro: Clique aqui!

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

O Terceiro Instruído - Michel Serres


O Terceiro Instruído - Michel Serres

Toda a aprendizagem consiste numa mestiçagem. Singular e única, produto dos genes do pai e da mãe, a criança só evolui através de cruzamentos e fusões. Toda a pedagogia retoma o processo de gestação e nascimento do indivíduo. Aprender: tornar grandes os outros e a si mesmo. Criação e mestiçagem. O mestiço, aqui, chama-se Terceiro Instruído.

Download do livro: Clique aqui!

Antropologia Filosófica I - Henrique C. de Lima Vaz


Antropologia Filosófica I - Henrique C. de Lima Vaz

Antropologia Filosófica em face dos novos saberes sobre o homem assume inicialmente as características de uma crise, agudamente analisada, entre outros, por M. Scheler. Essa crise apresenta duas vertentes: a histórica, formada pelo entrelaçar-se, no tempo, das diversas imagens do homem que dominaram sucessivamente a cultura ocidental, como o homem clássico, o homem cristão e o homem moderno; a metodológica, provocada pela fragmentação do objeto da Antropologia filosófica nas múltiplas ciências do homem, muitas vezes apresentando peculiaridades sistemáticas e epistemológicas dificilmente conciliáveis.

Download do livro: Clique aqui!

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

A Crise das Identidades – A interpretação de uma mutação - Claude Dubar


A Crise das Identidades – A interpretação de uma mutação - Claude Dubar

Claude Dubar faz, neste livro, um balanço das mudanças da sociedade francesa a partir dos anos 1960 no que diz respeito à vida privada, à do trabalho e à das crenças simbólicas, e propõe que as formas anteriores de identificação dos indivíduos perderam sua legitimidade, e as novas formas não estão ainda plenamente constituídas nem reconhecidas. Essa constatação de crise está ligada a uma conjuntura econômica, política e simbólica particular: a globalização das trocas culturais e o surgimento de uma nova economia, a diversificação das formas de vida privada e as relações entre os sexos. As formas identitárias antigas já não permitiriam a apreensão dos processos atuais, enquanto aquelas em constituição ainda não estão claramente perceptíveis, permanecem opacas, e muitas vezes são vistas como ameaçadoras. Enquanto se apresentam numa pluralidade de manifestações e em inúmeras combinações, nenhuma das formas de identidade existentes pode ser considerada dominante ou possui mais legitimidade que outras.

Download do livro: Clique aqui!

O Direito de Sonhar - Gaston Bachelard


O Direito de Sonhar - Gaston Bachelard

O Direito de Sonhar é uma obra da autoria de Gaston Bachelard (1884-1962), filósofo e poeta francês. O livro versa sobre a ousadia do ser humano em sua constante busca e viagem interior.

Download do livro: Clique aqui!

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Revisão Crítica do Cinema Brasileiro - Glauber Rocha


Revisão Crítica do Cinema Brasileiro - Glauber Rocha

Este livro reúne a militância crítica do jovem Glauber Rocha (1939-1981) em artigos escritos no período 1958-63. Eles focalizam desde o cinema silencioso dos pioneiros Humberto Mauro e Mario Peixoto ao surgimento do Cinema Novo brasileiro, com a trilogia carioca de Nelson Pereira dos Santos, no final da década de 50.

Download do livro: Clique aqui!

História da imprensa no Brasil - Nelson Werneck Sodré


História da imprensa no Brasil - Nelson Werneck Sodré

A respeito da atual imprensa no Brasil, o historiador (1911-1999) detém-se sobre esta obra, que fez e pesquisou durante 30 anos.

Download do livro: Clique aqui!

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Crime e Costume na Sociedade Selvagem - Bronisław Malinowski


Crime e Costume na Sociedade Selvagem - Bronisław Malinowski

Este estudo de Malinowski foi pioneiro na revelação de que costumes primitivos considerados 'desejos animalescos de pagão' eram produto de uma lei firme e de uma tradição rigorosa, exigidas pelas necessidades biológicas, mentais e sociais da natureza humana, mais do que pela emoção desenfreada ou por excessos irrestritos.

Download do livro: Clique aqui!

Multiculturalismo – Diferenças culturais e práticas pedagógicas - Vera Maria Candau e Antonio Flavio Moreira


Multiculturalismo – Diferenças culturais e práticas pedagógicas - Vera Maria Candau e Antonio Flavio Moreira

Multiculturalismo na educação envolve a natureza da resposta que se dá a toda diversidade que é expressa nos ambientes e arranjos educacionais, ou seja, nas teorias, nas práticas e nas políticas. É esse o tema da presente coletânea, que aborda temas candentes no atual cenário educacional brasileiro. Busca socializar discussões, estudos e princípios norteadores de procedimentos pedagógicos em que questões referentes à identidade, raça, gênero, sexualidade, religião, cultura juvenil e saberes que circulam na escola constituem os motes.

Download do livro: Clique aqui!

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

O Antigo Regime e a Revolução - Alexis de Tocqueville


O Antigo Regime e a Revolução - Alexis de Tocqueville

Tocqueville parte do registro de que, em 1789, os franceses se propuseram cortar em dois o seu destino. Imaginavam poder separar por um abismo o que haviam sido até então do que queriam ser daí em diante. Pessoalmente acreditava que tiveram menos sucesso do que imaginavam. A fim de testar essa hipótese, era mister “interrogar em seu túmulo uma França que não existe mais” e tentar reconstituir, com base na documentação preservada, os traços essenciais do Antigo Regime.

Download do livro: Clique aqui!

As Artimanhas da Exclusão - Bader Burihan Sawaia (Org.)


As Artimanhas da Exclusão - Bader Burihan Sawaia (Org.)

Este livro tem um objetivo bem claro: pretende compreender as diferentes dimensões da exclusão, ressaltando a dimensão objetiva da desigualdade social, a dimensão ética da injustiça e a dimensão subjetiva do sofrimento. Nele, são expostos os elementos potencialmente emancipatórios daqueles que estão em situação de exclusão, através de práxis e políticas públicas de enfrentamento da inclusão perversa.

Download do livro: Clique aqui!

terça-feira, 1 de novembro de 2011

A Constelação Pós-Nacional: Ensaios Políticos - Jurgen Habermas


A Constelação Pós-Nacional: Ensaios Políticos - Jurgen Habermas

O ensaio que dá título a este volume segue os rastros das alternativas políticas para a praxis neoliberal reinante - sem confiança na retórica de uma terceira via para além do neoliberalismo e da velha socialdemocracia. É assim que o pensador contemporâneo Jurgen Habermas descreve o principal ensaio desta obra, uma coletânea de ensaios políticos que aborda ainda impasses éticos associados a desenvolvimentos tecnológicos recentes.

Download do livro: Clique aqui!

Comentários Sobre a Primeira Década de Tito Lívio. (Discorsi)- Nicolau Maquiavel


Comentários Sobre a Primeira Década de Tito Lívio. (Discorsi)- Nicolau Maquiavel

O livro Comentários sobre a primeira década de Tito Lívio (Discursos)foi escrito por Maquiavel quatro anos após haver concluído "O Príncipe", o que justifica suas perceptíves semelhanças com o primeiro. No entanto, o que o distingue de "O Príncipe" é a análise detalhada da república, em que o autor claramente se coloca em favor desta, a apontar suas principais características observadas no decorrer da história e modos de melhorá-la, ou de ao menos mantê-la. Assim, pode-se considerar Maquiavel como sendo, indubitavelmente, um pensador indutivo que utiliza-se de inúmeros exemplos históricos com o fim de sustentar suas afirmações. No entanto, seu propósito não é sempre impecavelmente atingido, mesmo porque a realidade não segue regras e é, portanto, muito mais complexa do que se pode teorizar.

Download do livro: Clique aqui!