Notícia Importante

Amigas e Amigos,

Alguns blogs vem sendo apagados repentinamente pelo Google. Esperamos que isso não aconteça com este blog, pois nossa tarefa aqui é a de oferecer informação e reflexão. Desta forma, como precaução e na perspectiva de continuar a disseminar as vertentes instrumentalizadas em forma de livros, revistas e artigos que existem e promovem o desenvolvimento, recomendamos que insira em seus favoritos nosso endereço paralelo:


Desenvolvimento em questão


Faça os Pedidos e Avisos de Links Quebrados em Comentários no WordPress


Atenciosamente,

Marcos Paulo

sábado, 25 de junho de 2011

Antonin Artaud – O Artesão do Corpo Sem Órgãos - Daniel Lins



Antonin Artaud – O Artesão do Corpo Sem Órgãos - Daniel Lins

Diante da dificuldade de falar sobre Antonin Artaud, já que "Artaud explicado é uma abominação", Daniel Lins aceitou o desafio de atravessar seu corpo e recriar a vida pensada, imaginada, representada. Assim, engendra uma produção de Artaud numa espécie de encarnação de uma escrita crua, regada pelo sangue e pela vontade de potência numa vivência radical da crueldade.

Download do livro: Clique aqui!

A Revolução Sexual - Wilhelm Reich



A Revolução Sexual - Wilhelm Reich

O psicanalista e revolucionário Wilhelm Reich nasceu em 24 de março de 1897, na Ucrânia; era filho de camponeses que falavam alemão. Os 60 anos que viveria sobre a terra seriam de pura inventividade científica e verdadeira vontade de melhorar as condições de vida de seus semelhantes. Reich foi contemporâneo de Freud, a quem ele chamava de mestre e a quem dedicou sua obra Die Funktion des orgasmus (A função do orgasmo). Assim como o pai da psicanálise, e mesmo seguindo seus passos, Reich viu o homem contemporâneo mergulhado em profundas neuroses.

A grande diferença entre Freud e seu mestre foi de aprofundamento na questão ideológica. Reich era também marxista e viu o sexo como fator de controle social pela sociedade patriarcal. Isso é, ele estabeleceu uma ponte entre a vida social e a sexual, conforme suas palavras: "O problema da angústia, de certos problemas sociais e conjugais, assim como a terapêutica da neurose, aparecem a uma luz bem mais clara se tivermos em conta a função do orgasmo, que pouco a pouco se torna o problema central".

Reich considera que as enfermidades psíquicas são a conseqüência do caos sexual da sociedade, já que a saúde mental depende da potência orgástica, isto é, do ponto até o qual o indivíduo pode se entregar e experimentar o clímax de excitação no ato sexual. Para ele, o homem alienou-se a si mesmo da vida e cresceu hostil a ela. Sua estrutura de caráter - refletindo uma cultura patriarcal milenar - é encouraçada, contrariando sua própria natureza interior e contra a miséria social que o rodeia. Essa couraça de caráter seria a base do isolamento, do desejo de autoridade, do medo à responsabilidade, do anseio místico e da miséria sexual.

Download do livro: Clique aqui!