Notícia Importante

Amigas e Amigos,

Alguns blogs vem sendo apagados repentinamente pelo Google. Esperamos que isso não aconteça com este blog, pois nossa tarefa aqui é a de oferecer informação e reflexão. Desta forma, como precaução e na perspectiva de continuar a disseminar as vertentes instrumentalizadas em forma de livros, revistas e artigos que existem e promovem o desenvolvimento, recomendamos que insira em seus favoritos nosso endereço paralelo:


Desenvolvimento em questão


Faça os Pedidos e Avisos de Links Quebrados em Comentários no WordPress


Atenciosamente,

Marcos Paulo

terça-feira, 31 de maio de 2011

Ensaio Sobre a Cegueira – José Saramago



Ensaio Sobre a Cegueira – José Saramago

Um homem subitamente deixa de ver, vítima de uma cegueira branca, que começa a se espalhar, causando caos na cidade. Mas será que o caos foi causado pela cegueira? Ou o caos já existia, mas só "visto" com a chegada da cegueira?
Neste livro, Saramago aguça fortemente todos os nossos sentidos, implicando "a responsabilidade de ter olhos, quando os outros os perderam".
Um ritmo alucinande de escrita que nos faz parar para pensar se respeitamos os valores mais básicos da sociedade. Livro que deu origem ao filme homônimo de Fernando Meirelles, como Juliane Moore como a única mulher que não foi afetada pela cegueira.
É preciso cegarem-se todos, para que enxerguemos a essência de cada um?

Se podes olhar, vê. Se podes ver, repara.

Download do livro: Clique aqui!

Razão Histórica - Jörn Rüsen



Razão Histórica - Jörn Rüsen

Jörn Rüsen investiga os fundamentos do conhecimento histórico-cientifíco e a pretensão da racionalidade do pensamento histórico na ciência histórica. O que caracteriza o conhecimento científico sobre a história? Sobre o que se baseia? Que pode fazer a razão, e até que ponto chega, ao interpretar a experiência histórica? A perspectiva deste livro é a relação da ciência da história com a vida humana prática. Grandes temas são tratados de forma concisa e instigante: tarefa e função de uma teoria da história, os pressupostos existenciais da história como ciência, a especificidade de sua forma de pensar e os critérios de cientificidade do pensamento histórico.

Download do livro: Clique aqui!