Notícia Importante

Amigas e Amigos,

Alguns blogs vem sendo apagados repentinamente pelo Google. Esperamos que isso não aconteça com este blog, pois nossa tarefa aqui é a de oferecer informação e reflexão. Desta forma, como precaução e na perspectiva de continuar a disseminar as vertentes instrumentalizadas em forma de livros, revistas e artigos que existem e promovem o desenvolvimento, recomendamos que insira em seus favoritos nosso endereço paralelo:


Desenvolvimento em questão


Faça os Pedidos e Avisos de Links Quebrados em Comentários no WordPress


Atenciosamente,

Marcos Paulo

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Eros e Civilização - Uma Interpretação Filosófica do Pensamento de Freud - Herbert Marcuse



Eros e Civilização - Uma Interpretação Filosófica do Pensamento de Freud - Herbert Marcuse

Para o autor deste ensaio, a própria concepção teórica de Freud parece refutar a sua firme negação da possibilidade histórica de uma civilização não-repressiva. Opondo-se às escolas revisionistas neo-freudianas, afirma que a teoria de Freud é sociológica em sua substância, que o biologismo é teoria social numa dimensão profunda, e que, portanto, nenhuma nova orientação cultural ou sociológica é necessária para revelar essa substância. Admite ainda, que as próprias realizações da civilização repressiva parecem criar as precondições para a abolição da repressão e transformação da sociedade.
Em um candente prefácio político escrito em 1966 para a nova edição deste livro, Herbert Marcuse destaca o fato da moderna sociedade industrial depender cada vez mais da produção e consumo do supérfluo, do obsoletismo planejado e dos meios de destruição. Localiza o inferno nos guetos da sociedade afluente e nas áreas cruciais do mundo subdesenvolvido, e interpreta a propagação da guerra de guerrilhas no apogeu do século tecnológico como um acontecimento simbólico: a energia do corpo humano revolta-se contra a repressão intolerável e lança-se contra as máquinas da repressão.

Download do livro: Clique aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua crítica, pedido ou sugestão. Obrigado.