Notícia Importante

Amigas e Amigos,

Alguns blogs vem sendo apagados repentinamente pelo Google. Esperamos que isso não aconteça com este blog, pois nossa tarefa aqui é a de oferecer informação e reflexão. Desta forma, como precaução e na perspectiva de continuar a disseminar as vertentes instrumentalizadas em forma de livros, revistas e artigos que existem e promovem o desenvolvimento, recomendamos que insira em seus favoritos nosso endereço paralelo:


Desenvolvimento em questão


Faça os Pedidos e Avisos de Links Quebrados em Comentários no WordPress


Atenciosamente,

Marcos Paulo

sexta-feira, 5 de março de 2010

Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais – Novembro/2007 – ANPUR



Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais – Novembro/2007 – ANPUR

ARTIGOS

1) O MERCADO DE TERRAS EM SÃO PAULO E A CONTINUADA EXPANSÃO DA PERIFERIA – Haroldo da Gama Torres e Renata Gonçalves
2) A CIDADE COM-FUSA: A MÃO INOXIDÁVEL DO MERCADO E A PRODUÇÃO DA ESTRUTURA URBANA NAS GRANDES METRÓPOLES LATINO-AMERICANAS – Pedro Abramo
3) INFORMALIDAD Y REGULARIZACIÓN DEL SUEL O URBANO EM AMÉRICA LATINA – ALGUNAS
REFLEXIONES – Nora Clichevsky
4) A OUTORGA ONEROSA DO DIREITO DE CONSTRUIR APÓS O ESTATUTO DA CIDADE: UM
PANORAMA DE IMPLEMENTAÇÃO NOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS – Renato Cymbalista, Paula Pollini, Patrícia Cobra e Paula Santoro
5) URBANISMO E MODERNIDADE – REFLEXÕES EM TORNO DO PLANO AGACHE PARA O RIO DE
JANEIRO – Fernando Diniz Moreira
6) QUATRO HISTÓRIAS DE TERRAS PERDIDAS – MODERNIZAÇÃO AGRÁRIA E PRIVATIZAÇÃO DE
CAMPOS COMUNS EM MINAS GERAIS – Eduardo Magalhães Ribeiro e Flávia Maria Galizoni

RESENHAS

1) La favela d’un siècle à l’autre: Mythes d’origine, discours scientifiques et représentations virtuelles, de Licia V alladar es – por M ichel Marié (tradução de Margareth da Silva Pereira)
2) Paisagem estrangeira. Memórias de um bairro judeu no Rio de Janeiro, de Fania Fridman – por Sarah Feldman

Download da revista: Clique aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua crítica, pedido ou sugestão. Obrigado.